João Anatalino

A Procura da Melhor Resposta

Textos


SEM AMOR NINGUÉM É NADA

“Ainda que eu fale todas as línguas dos homens e dos anjos, se eu não tiver amor, sou como o bronze que soa, ou como o sino que retine...”- Corintios, 13,1
                                                        
Que importa possuir um saber profundo
Se não há quem dele possa compartilhar?
Para que falar todas as línguas do mundo,
Se não há com quem se possa conversar?
 
Que bom ouvir é ouvir o sino que retine,
Numa igreja, nos chamando para oração;
Mas é inútil, se na prece que se exprime,
O que ela diz não sai direto do coração,
 
Pois só o Amor fala a língua da verdade,
E não mente para encobrir a impostura
Que é viver sem praticar a fraternidade.
 
Amar constitui a verdadeira sabedoria.
Fora disso, toda ciência é uma moldura,
Posto num quadro onde a tela está vazia.
 
 
 
 
 
 
João Anatalino
Enviado por João Anatalino em 03/09/2013
Alterado em 30/10/2013
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras