João Anatalino

A Procura da Melhor Resposta

Textos


DE UM BOM NOME AO SEU CÃO
 
Os adeptos da Cabala dão uma grande importância ao nome das pessoas, como sendo uma importante fonte de informação sobre ela. Isso porque, sendo a Cabala uma tradição judaica que se baseia na estrutura do alfabeto hebraico, cujas letras representam palavras e numerais ao mesmo tempo, cada palavra e cada nome, além do seu significado semântico, tem também um valor numérico. Assim as palavras que, embora tenham grafia diferentes, mas são formadas pelas mesmas letras, têm o mesmo valor numeral e podem ser consideradas sinônimas, ou então significar coisas diversas. Destarte uma palavra como sod, por exemplo, que significa segredo, pela técnica da guematria ela tem o mesmo valor numeral que a palavra vinho. Dessa forma o cabalista conclui que vinho e segredo são palavras homônimas, por isso não deve confiar segredos á uma pessoa que bebe, pois ele certamente não o guardará.
Essa é uma interessante qualidade da escrita hebraica, que permite aos sábios mestres dessa tradição desenvolver uma bizarra forma de psicologia, que analisa as pessoas pelos seus nomes e seu valor numeral. Parece brincadeira mas é uma tradição que está embutida na mente coletiva de todos os povos do mundo, pois é patente que, em todas as línguas, as pessoas se preocupam muito com o nome que eles dão aos filhos e até aos seus animais de estimação.
A escolha do nome  tem implicações morais e filosóficas bastante profundas. Até minha mãe, uma camponesa simples que mal sabia escrever o próprio nome costumava me dar o seguinte conselho: “rapaz, dê um bom nome para o seu cachorro”. Com isso ela queria dizer que eu devia me preocupar com a minha reputação, com o respeito pelo meu nome e pelo nome da família, que de maneira nenhuma devia ser desonrado. “O nome”, dizia ela “ faz parte da personalidade da pessoa. Um bom cão de guarda não pode se chamar Luluzinha, Florzinha, Bolinha e coisas assim. Ele tem que se chamar Golias, Hércules, Gengis Khan etc, que é nome de gente brava.”
Minha mãe nunca ouvira falar na Cabala nem sabia que estava destilando uma sabedoria cabalística. Mas ela tinha razão. O nome tem poder.
A propósito talvez esse seja o problema da Dilma. Quem sabe nao é o nome dela que a torna uma piores presidentes que este país já teve. Ela é Dil MÁ como gestora, VÃna como política e sua ideologia de RUSSEFA é simplesmente de arrasar quarteirões. Talvez fosse melhor ela, ao invés de ficar mandando imposturas para o Congresso, ir a um cartório e trocar de nome. Quem sabe a guematria da Cabala faça por ela o que os partidos da base aliada não conseguiram, nem vão conseguir fazer, que é dar um pouco de credibilidade para o seu governo.
 
 
 
 
João Anatalino
Enviado por João Anatalino em 11/01/2016
Alterado em 11/01/2016
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras