João Anatalino

A Procura da Melhor Resposta

Textos


PROVA DE AMOR

Provas de amor jamais fiz, e nem as dou.
Que desse assunto, de fato, nunca soube.
Nessa matéria, até hoje o que me coube,
Foi somente uma aula que nada ensinou.
 
Era uma aula particular, entre você e eu:
Você ensinava, e eu estava aprendendo.
Mas de repente, o sino do recreio bateu,
Você largou tudo e logo saindo correndo.
 
Até que eu fui um discípulo bem correto,
Mas você era uma professora de ocasião,
Daquelas que só faz cátreda numa cama.
 
Assim, no amor, confesso ser analfabeto,
Nesse tema, sei que não tenho educação.
Só posso provar que bruto também ama.


 
João Anatalino
Enviado por João Anatalino em 30/08/2018
Alterado em 30/08/2018
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras