João Anatalino

A Procura da Melhor Resposta

Textos


Em que jardim será que cresce
A linda flor da Felicidade?
Em que lugar, ou cidade,
Costuma desabrochar
Essa planta tão vistosa
Que mesmo usando um GPS
Eu nunca consigo chegar
Nessa terra maravilhosa?
Talvez esteja em um país
Onde estou proibido de entrar
Onde trem, ônibus ou avião
Ainda não conseguem chegar
E onde fica ninguém diz,
Mas a gente tem que ir a pé
Levando apenas a nossa fé
E a vontade de ser feliz.
Tenho tentado de toda sorte
Encontrar esse paraíso perdido
Essa Shangrilá da alma
Onde o organismo se renova,
A nossa mente se acalma
E o espírito ganha novo alento
E acorda sempre rejuvenescido.
Mas não consigo passaporte
Pois o meu requerimento
Sempre acaba indeferido.
Eu só espero que a minha vida
Não seja como a desses turistas
Que compram bilhetes “bichados”
Das mãos desses cambistas
Que já ficam na emboscada
Para enganar os apressados
Que não tem muita paciência
Para comprar suas entradas
Diretamente na gerência.
Porque eu sei que se for assim
Quando na catraca eu chegar
Ela vai virar porta de banco
E vai travar justo p’ra mim.
E nem na marra/ nem no tranco
Ela vai me deixar entrar.
E nesse jogo da felicidade,
Como só tem acontecido
Vou ser parado no portão,
E voltar para casa aborrecido
Para assistir tudo na televisão.
 
João Anatalino
Enviado por João Anatalino em 24/10/2018
Alterado em 24/10/2018
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras