João Anatalino

A Procura da Melhor Resposta

Textos


                A SAGA DO GUERREIRO
 
Ao corajoso a ideia da morte jamais abala,
Pois o que apressa a sua chegada é o medo.
Se consumindo em achar forma de evitá-la,
O covarde acaba morrendo bem mais cedo.
                                        
Só tem importância o momento que se vive;
Nem passado nem futuro é necessário, pois
O mundo ainda não encontrou um detetive 
Capaz de revelar o que vem antes ou depois.
 
Para quem nasce, a morte já é algo inerente;
E um homem só justifica seu direito á vida,
Quando faz dela a saga nobre de um valente.
 
Ontem já foi e amanhã não oferece garantia.
Assim, se a morte já uma herança adquirida,
A vida é a conquista que se faz no dia a dia.
 
João Anatalino
Enviado por João Anatalino em 08/11/2018
Alterado em 08/11/2018
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras