João Anatalino

A Procura da Melhor Resposta

Textos


Sonhei viver como um pássaro marinho,
Numa ilha deserta fazendo o meu ninho,
Continuando a espécie em local ignoto,
Longe das angústias de um mundo roto.
                                              
As suas mãos de seda grudada à minha,
Eis que planamos até ultrapassar a linha,
Onde um sol exausto na praia descansa,
E uma onda nervosa fica calma e mansa.
 
E foi nesse território de fantasia e lenda,
De fontezinhas virgens e animais amigos,
Que juntamos estrelas para fazer a cama.
 
Ali sem o soneto para corrigir a emenda,
Sem julgamentos para justificar castigos,
Eu fui seu valete, você foi a minha dama.

 
João Anatalino
Enviado por João Anatalino em 04/03/2019
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras