João Anatalino

A Procura da Melhor Resposta

Textos


Pelas ruas íngremes de um burgo imundo
O condenado passa, carregando sua cruz.
Nas lanhadas costas leva a dor do mundo,
Mas nos olhos meigos brilha virtuosa Luz.
 
No entanto a força falta ao exausto corpo,
E seus joelhos dobram a cada passo dado;
É um pobre homem que está quase morto,
E, em cada queda é ainda mais castigado.
 
Caiu em frente à uma oficina de sapateiro,
E seu dono lhe disse com prazerosa ironia:
─ Profeta, pega tua cruz e segue em frente!.
 
Jesus respondeu: ─ Nada mais verdadeiro:
O meu sofrimento não vai passar deste dia,
Mas o teu, Ashaverus, durará eternamente!
João Anatalino
Enviado por João Anatalino em 29/06/2019
Alterado em 29/06/2019
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras